Aprendiz realiza primeiras aulas presenciais com convidados especiais

Para evitar aglomeração e tratarmos de temas específicos, primeiro reunimos apenas mulheres e depois apenas homens.

Atualmente o Programa Aprendiz possui quase 100 jovens com contrato de trabalho ativo. Por se tratar de uma modalidade de contrato especial, o horário de trabalho dos Aprendizes compreende períodos em que os jovens participam de aulas teóricas, que se realizam sempre às segundas.

Com a pandemia ocasionada pela COVID-19 as aulas passaram a ser ministradas de forma online. Após um longo período funcionando desta forma, a coordenação resolveu fazer um teste com aulas presenciais, que se realizara nos dias 18 e 25 deste mês.

Para evitar aglomeração, bem com, para que tratássemos de temas específicos, os Aprendizes foram divididos. Assim sendo, na última semana (18/10) a aula presencial foi programada apenas para as meninas que fazem parte do programa.

Na ocasião, para falar um pouco a respeito dos Direitos Humanos recebemos a advogada Nelicy Qualhato, e para tratar a respeito da saúde feminina e da campanha “outubro rosa” recebemos o agende comunitário de saúde e biólogo José Bezerra Paranhos e a agente de saúde e enfermeira Valdilha Ribeiro de Castro.

Ontem (25) foi a aula teórica dos rapazes que fazem parte do Programa Aprendiz. Como aconteceu na semana passada, os jovens também receberam convidados especiais que trataram de assuntos diversos.

Nesta perspectiva, o advogado Hyago Barbosa abordou a respeito dos direitos humanos e dos aspectos gerais da Lei Maria da Penha, por outro lado, o educador físico Ramon Lucas marcou presença instruindo nossos jovens a respeito de saúde pessoal e higiene íntima.

A FAMI, através da coordenação do Programa Aprendiz, reitera os agradecimentos aos nossos jovens pela participação e, especialmente, aos profissionais que estiveram presentes compartilhando seus conhecimentos com os Aprendizes. Deus os abençoe à todos!

Redação FAMI